Acesso restritoCONSULTAS SCPC

 

Papo de Empresário - Enquanto muitos choram, alguns vendem lenços

É incrível como aparentemente o empresariado do comércio está contaminado pelo desânimo, pela descrença e, principalmente, pela inércia que assola nosso país, nosso estado e nossa cidade.

Há mais de um mês a Associação Comercial vinha anunciando através dos meios de comunicação local que realizaria uma ação chamada LIQUIDA OURINHOS.
As rádios e jornais divulgaram maciçamente esta ação e mesmo assim, a maioria dos empresários não se mobilizou para participar.
Ou estão todos vendendo muito e não há interesse em ações pontuais, ou realmente não há como compreender como se desperdiçam as oportunidades que surgem. 
O que se viu é que as lojas que acreditaram no LIQUIDA OURINHOS tiveram resultados satisfatórios dentro das projeções que foram feitas para o mês de fevereiro. E ainda afirmam que esperam que a Associação Comercial promova mais ações pontuais como esta no decorrer do ano. 
A verdade é que enquanto muitos choram, alguns vendem lenços. 
É preciso compreender que são nos momentos mais difíceis que se faz maior necessidade de novas iniciativas e de ações que tragam o consumidor para dentro de cada estabelecimento.
E as palavras da vez neste momento são: LIQUIDAÇÃO, OFERTA, PROMOÇÃO, DESCONTO.
O consumidor não perdeu sua vontade de gastar. Isso não vai mudar nunca. Continua sedento por comprar, mas o problema é que o dinheiro está mais “curto”.
São centenas de milhares de empresas fechando em todo Brasil. O desemprego está batendo à porta. Os custos operacionais subindo a cada dia. 
Vivemos o antagonismo de um período de recessão com inflação. Isso só acontece no Brasil. Como pode não estar vendendo e os preços estarem subindo? Quem explica esta situação antagônica? 
E quando surge uma oportunidade, por menor que ela seja, os que ainda estão sobrevivendo simplesmente a desprezam. Vai entender!
O empresário que não se adaptar a esta realidade, se não “quebrar”, vai com certeza, passar por muitas dificuldades financeiras.
E se alguém acredita que esta situação logo vai passar, prepare-se! Mesmo os mais céticos só falam em melhora no quarto trimestre deste ano, e se nada conspirar contra. Os mais pessimistas já começam a falar em melhora somente em 2018.
Então, prezado empresário, você vai querer chorar ou vender lenço? A escolha é sua!

 

Escrito por Alexandre Mariani, vice-presidente da ACE Ourinhos.


<< Voltar


CURSOS E EVENTOS


Veja todos

  • CDC

PARCEIROS