Acesso restritoCONSULTAS BOA VISTA SCPC

 

Volume de vendas no feriado foi comparado a sábado dos bons

“Bombástico!”. Foi assim que a supervisora de vendas das Óticas Nacional, Juliana Aparecida Tufaneli Martins, definiu o movimento em sua loja nesse feriado de 9 de Julho. Segundo ela, os clientes eram tantos que teve que solicitar o “empréstimo” de uma vendedora de uma filial da rede Nacional Óticas. Juliana contou que no fechamento das vendas estavam tratando o dia como um sábado, até que alguém lembrou que era uma simples terça-feira. “Muitos clientes de fora, Chavantes, Timburi e outras cidades da região”, informou.

A primeira experiência do comércio abrindo as portas no feriado de 9 de Julho pode ser considerada um sucesso. As lojas que funcionaram foram recompensadas com um movimento de consumidores bem satisfatório e grande volume de vendas, conforme diversos relatos. “Se tivéssemos estabelecido a meta de vendas de um dia normal, teríamos alcançado mais de 100% da meta ontem”, declarou o gerente interino da Casas Bahia, Josemar Giese. Segundo ele, a comparação do movimento dessa terça-feira poderia ser feita com um sábado dos bons. Josemar destacou que o fato de 9 de Julho estar dentro dos primeiros 10 dias do mês, também colaborou com as vendas. “Tivemos ainda um grande fluxo de clientes pagando carnê, o que sempre ajuda nas vendas”, informou.

Um acordo inédito entre o SinComércio (patronal) e SinComerciários (empregados) é que garantiu a abertura do comércio de Ourinhos nesse feriado estadual de 9 de Julho pela primeira vez. A Associação Comercial e Empresarial (ACE) investiu na divulgação, utilizando vários canais de mídia, inclusive inserções na TV TEM desde o domingo anterior ao feriado. “Podemos comemorar essa abertura no feriado porque gerou excelentes resultados para as lojas que abriram. O fato dos comércios da região não funcionarem também fortaleceu ainda mais o movimento em nosso comércio”, avaliou Diógenes Corrêa Leite, presidente da ACE.

Luciana Cristina Martins, gerente da Planeta Modas, classificou o movimento em sua loja de “surpreendente”. Há 13 anos na cidade, a Planeta comercializa confecções femininas, masculinas e infantis. Mais recentemente, ingressou no segmento de calçados. “Foi um pega, muito movimento mesmo, deu para perceber que recebemos muitos consumidores de fora também”, comentou Luciana. Ela admite que era uma dúvida como seria o movimento nessa terça, mas que compensou bastante investir na abertura. “Foi tão acelerado que foi até gostoso trabalhar”, afirmou a gerente da Planeta Modas.

Outras lojas, como a Nippon, Pernambucanas, Nunes Magazine, Mais por Menos, Choffi, Sumirê, entre outras, também manifestaram à ACE a satisfação com o movimento no feriado de 9 de Julho.

“É nesses momentos que fica muito clara a condição de Ourinhos de principal polo regional de compras regional. A ACE estará sempre atenta para aproveitar essas oportunidades em favor do nosso comércio e da economia local”, ponderou Diógenes Corrêa Leite.

 

 


Nilza e Juliana da Óticas Nacional


<< Voltar


CURSOS E EVENTOS


Veja todos

  • CDC

PARCEIROS